Tradutor do Blog

quinta-feira, 27 de dezembro de 2012

SÉRIE: AS 10 PROFECIAS DO FIM DO MUNDO QUE FALHARAM (4)

Agora a série: 'As 10 profecias do Fim do Mundo que Falharam' vai apresentar mais duas "profecias": O "Bug" do Milênio que previa uma catástrofe por conta de uma pane nos computadores; e a famosa frase não bíblica: "até 2000 chegarás, de 2000 não passarás" dita por muitos na época. E ainda O Ramo Davidiano que era um grupo dissidente dos adventistas, em que David Koresh se autoproclamou "profeta" e teve junto com  alguns dos seus seguidores um triste fim.

Até agora já foram apresentados 6 "profecias", abaixo estão os links das "profecias" já publicadas:





*******************************************************************************************

O "BUG" DO MILÊNIO 

Os mais jovens não se lembrarão disso, mais a maioria recordará o furor que tomou conta do mundo por ocasião da virada do ano 1999 para o ano 2000.

O temor de uma catástrofe mundial se baseava no fato de que a imensa  maioria dos computadores de então, por uma questão de economia de equipamento, havia previsto apenas duas casas para designar o ano na data (o famoso campo Y2k).

Desta maneira, quando 1999 virasse para 2000, o risco era que, naquela meia-noite específica, os computadores de bancos, empresas aéreas, fornecedoras de serviços públicos, etc., entendessem que o mundo havia voltado a 1900 e alastrassem o caos pelo planeta.

Associe a esse dado tecnológico ao ditado popular "até 2000 chegarás, de 2000 não passarás" (que de bíblico não tem nada), e - pronto! - a confusão está estabelecida.

Apesar de todo o pânico prévio gerado pelo bug do milênio, nenhum incidente cibernético de monta foi registrado nos primeiros dias do ano 2000. Outro grande logro que também vendeu pra caramba...


***

O RAMO DAVIDIANO 

Depois de uma infância pra lá de problemática e passagens pelas igrejas batista e adventista, David Koresh (nascido oficialmente como Vernon Wayne Howell) se juntou em 1981 à seita Ramo Davidiano, um grupo dissidente dos adventistas que se formou na década de 1950.

A seita davidiana era baseada em Waco, Estado do Texas (EUA), num rancho que eles denominaram de Monte Carmelo. Não demorou muito, entretanto, para que Koresh decidisse alçar, digamos, voos próprios.

Em 1983, ele se autoproclamou profeta, e após uma sucessão de intrigas dentro da seita, que incluíram assassinatos de líderes concorrentes, Koresh convenceu vários seguidores a se juntarem a ele no rancho em Waco para aguardar o fim do mundo.

Só que o fim do mundo, lamentavelmente, veio na forma de um cerco das autoridades americanas, que durou 50 dias e exterminou da face da Terra dezenas de seguidores de Koresh, além dele próprio e alguns policiais.


***

No último post da série: 'As 10 Profecias do Fim do Mundo que Falharam' trará mais duas "profecias fracassadas" : Os Testemunhas de Jeová que na 1ª Guerra Mundial "previu" e decretou o "fim da era dos gentios"; e, O incêndio Londrino de 1666 que fez um ligação com a marca da besta (666) do Livro do Apocalipse, junto com um enorme incêndio que ocorreu na época, que durou 3 dias e causou muito pavor e destruição.




Fonte: O contorno da sombra




Nenhum comentário:

Postar um comentário