Tradutor do Blog

sexta-feira, 14 de setembro de 2012

DESDE OS CONFINS DA TERRA




Ouve, ó Deus, o meu clamor; atende à minha oração.
Desde o fim da terra clamo a ti, por estar abatido o meu coração.

                                                                                         SALMO: 61.1,2a


    Essas palavras têm um significado especial para mim. Elas foram dadas pelo Espírito Santo durante um período de crise em minha vida, no tempo e no espaço certo.

    Encontrava-se frustrado e triste. Parecia mesmo que as ondas de Deus quebrantavam-se sobre mim. Eu estava saindo dos Estados Unidos para uma série de conferências na Austrália.

    Em um jato, a mais de 30 mil pés, sobrevoando o Pacífico, abri minha Bíblia na seguinte passagem bíblica: Desde o fim da terra clamo a ti. Isso foi notável. Era exatamente para onde eu estava indo - para os confins da terra. A Austrália é o ponto mais distante do lugar em que o salmista escreveu essas palavras. Então, perguntei a mim mesmo: "Por que estou indo para lá? Qual é o propósito de Deus?".

    Li, então, o versículo inteiro outra vez: Desde o fim da terra clamo a ti, por estar abatido o meu coração. Com isso, percebi que, em Sua infinita sabedoria, Deus estava levando-me para aquela longa viagem, não apenas para pregar aos outros, mas para algo mais importante, a fim de que eu me dedicasse à oração, em uma situação na qual eu estava separado por milhares de quilômetros de um problema particular, onde eu podia esperar no Senhor sem distração.

    Aquela foi  uma semana especial, em que passei grande parte de cada dia em oração. No momento em que clamei a Deus dos confins da terra, Ele interveio soberanamente no meu caso. Quando retornei aos Estados Unidos, todo o problema tinha sido resolvido; toda barreira removida. O caminho estava aberto para que eu prosseguisse no plano do Altíssimo para a minha vida.


RESPOSTA DE FÉ 

Será que tens um encontro de oração marcado comigo? Senhor, o qual esperas que eu honre?



"Texto copiado do livro de: Derek Price * Percorrendo os Salmos" (Graça Editorial)

Nenhum comentário:

Postar um comentário